As melhores Universidades da Itália em 2019

Estudar na Itália é o sonho de muita gente, e não é para menos, pois o país é repleto de excelentes e renomadas Universidades.

Muitas delas são muito concorridas e recebem milhares de estudantes internacionais todos os anos.
Veja a seguir a classificação das seis melhores Universidades italianas em 2019 de acordo com a
Times Higher Education, que é um ranking com as melhores Universidades do mundo.

Scuola Normale Superiore di Pisa

Localizada em Pisa, sim, a

mesma cidade da icônica “torre torta” italiana, a Universidade de Pisa possui cursos gratuitos, e logo, muito concorridos.
Segundo o site da instituição, os alunos são selecionados a cada ano com base exclusivamente em seu talento e potencial, e a Universidade possui grande abertura para intercâmbios internacionais.

O objetivo é identificar e cultivar o talento e as qualidades de seus alunos, garantindo uma educação voltada para o desenvolvimento de potenciais e habilidades individuai

s, em um contexto de convivência, diálogo e colaboração. O percurso de estudo é baseado em uma mistura de experiências, pesquisas, insights e momentos de intuição, tudo isso em meio a muita interação entre os cursos e inúmeras atividades extras como seminários, e diversos eventos que ocorrem ao longo do ano.

Scuola Superiore Sant’Anna

Também localizada em Pisa, A Scuola Superiore Sant’Anna foi fundada há apenas 30 anos e já é reconhecida como uma das melhores Universidades do mundo, sendo um instituto público universitário com estatuto especial, que atua no campo das ciências aplicadas: ciências econômicas e gerenciais, ciências jurídicas, ciências políticas, ciências agrícolas e biotecnologias vegetais, ciências médicas e engenharia industrial e de informação.

O objetivo da Instituição é experimentar caminhos inova

dores em pesquisa e educação, onde professores e pesquisadores vivem e interagem com os alunos todos os dias, em um contínuo intercâmbio cultural e intelectual e em constante colaboração com universidades, instituições, empresas e institutos de pesquisa internacionais.

Graças ao seu caráter internacional, excelente treinamento e comunidade científica, a Escola de Estudos Avançados Sant’Anna se estabeleceu como ponto de referência na Itália e no exterior.

Universidade de Bologna

A Universidade de Bolonha quase dispensa apresentações. Fundada em 1088, é a Universidade mais antiga do mundo!

Sua história está entrelaçada com a de grandes personalidades que trabalharam no campo da ciência e das letras e é uma referência indispensável no panorama da cultura europeia e mundial, sendo considerada a “mãe de todas as universidades”.

A “Alma Mater Studiorum”, como é chamada, se destaca ainda pela capacidade de oferecer uma educação de qualidade, inclusiva e inovadora e na promoção da igualdade de gênero.

Os números impressionam: são 85.000 mil alunos, 200 cursos diferentes, 33 opções de estudo ministradas em inglês, 33 departamentos e 11 faculdades com campus nas cidades italianas de Bolonha, Cesena, Forlì, Ravenna e Rimini, além das unidades de Buenos Aires, Bruxelas, Nova Iorque e Shangai.

Universidade de Padova

Fundada em 1222, a Universidade de Padova também é

símbolo de tradição e qualidade de ensino na Itália. 

Orientada para a internacionalização, o desenvolvimento de pesquisas, a especialização de habilidades e a diversificação da oferta educacional, a Instituição possui vários complexos multi-departamentais, incluindo o complexo de matemática, psicologia, biologia e biomedicina, biodiversidade e botânica, entre outros. Ao todo são mais de 90 cursos a disposição dos estudantes.

Universidade Vita-Salute San Raffaele

Localizada em Milão, esta é mais uma Universidade nova mas muito conceituada na Itália. Inaugurada em 1996 com a Faculdade de Psicologia, seguida em 1998 pela Faculdade de Medicina e Cirurgia e em 2002 pela Faculdade de Filosofia, a Instituição caracteriza-se, desde a sua origem, pela integração do ensino com a pesquisa em suas diversas e principais expressões: pesquisa básica e filosófica e social, já sendo, inclusive, referência para o ensino universitário de excelência como uma das Universidades mais citadas mundo afora. Cada faculdade é em si uma estrutura complexa que abriga, além de cursos de graduação e pós-graduação, centros de pesquisa e escolas de doutorado e mestrado.

Universidade Sapienza de Roma

Com mais de 700 anos de história, 113 mil estudantes, 3.300 professores e 2.000 funcionários, técnicos e bibliotecários, a Sapienza é umas das principais Universidades da Itália, ranqueada inclusive, internacionalmente.
Sua missão é contribuir para o desenvolvimento da sociedade, do conhecimento por meio da pesquisa, excelência e treinamento de qualidade e cooperação internacional.

A oferta educacional da Sapienza inclui mais de 280 cursos de graduação e mestrado, dos quais mais de 35 são em inglês.
Com um sistema de meritocracia, os alunos com boas notas têm muitos benefícios e pagam menos de acordo com o bom desempenho estudantil.

A Universidade ainda promove inúmeras atividades culturais, sociais e esportivas, possuindo Orquestra e Coral próprio.
São mais de 9.000 estudantes internacionais, e graças a extensa rede de colaboração com Universidades de todo o mundo, a La Sapienza oferece a seus alunos inúmeras op

ortunidades internacionais, incluindo estágios em vários países europeus e não europeus, e doutorado internacional.

Candidaturas

Para se candidatar às Universidades na Itália é necessário entrar no site de cada Universidade (clicando nos links), se cadastrar e preencher os dados solicitados. Os requisitos variam entre elas, assim como os valores dos cursos, que podem ser gratuitos ou custar alguns mil euros por ano.

E aí, deu vontade de estudar na Itália e dar aquele upgrade no currículo? 

Alla prossima!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe o seu comentário